ARTESÃOS DA MÚSICA

ARTESÃOS DA MÚSICA

 

Este projecto musical ganhou forma, em 2010, pela vontade de três artesãos de diversas áreas, tendo em comum o facto de serem fervorosos adeptos da música tradicional portuguesa.

 

O seu reportório é (quase) essencialmente constituído por temas do cancioneiro tradicional das diversas regiões de Portugal. Músicas e cantigas, mais ou menos conhecidas, são interpretadas pelos Artesãos da Música sem recurso a arranjos muito elaborados, tentando não fugir ao modo como eram tocadas e cantadas em tempos idos.

 

Os Artesãos da Música utilizam instrumentos musicais tradicionais, tais como: concertina, bombo,  viola,  cavaquinho,  gaita-de-foles,  caixa de rufos,  ocarina, sarronca (…) mas também outros de feitura artesanal, improvisados a partir de materiais e de objectos reutilizados, tais como: latas, garrafas, ferros, paus (…). Para além de funcionais, estes instrumentos têm, visualmente, um efeito invulgar.

 

O CD de estreia foi lançado em 2012 com o nome de “Puleando” que, como o seu nome indica, pretende ser um disco de baile, recriando novas roupagens nalgumas músicas.

 

Os Artesãos da Música procuram ter um reportório diversificado e flexível, ajustável ao público e ao evento em que participam. Têm actuado por este pais fora, realçando a sua participação no Festival Mediterrânico “7 Sóis 7 Luas”, em Castro Verde (2011), o Festival “Sons do Atlântico”, no Parchal (2014), bem como participações anuais na “Rota das Tabernas”, em Grândola e na  “Vitifrades”, festa do vinho de Vila de Frades.

 

Membros:

 

-Inocêncio Casquinha: Voz, viola, gaita-de-foles e outros instrumentos.

-José Gavino: Concertina, caixa de rufos, sarronca, etc…

-Carlos Rosa: Voz, bombo, cajón, pandeireta, cana-rachada, etc…

 

Próximos concertos


07 de Dezembro em Vila de Frades
13 de Dezembro Animação de Natal em Grandola
13 de Dezembro - Casa do Cante em Baja 23:00h